Se fud#@%
Sent by Cabelo Prateado, on .
De acordo com um relatório do site RT, um varejista russo teve problemas com a Sony, pois o funcionário de uma loja encontrou o lote de cópias de Death Stranding e decidiu levar uma para casa. No entanto, a Sony foi alertada assim que ele ativou o jogo no PlayStation 4. O trabalhador do armazém - fã de Kojima - foi então rastreado pela Sony, com uma breve investigação que levou ao varejista russo.

O funcionário acabou sendo demitido, mas isso não foi suficiente para a Sony. O varejista russo, foi multado em um milhão de rublos russos (US $ 15.625) por quebrar a data de lançamento do Death Stranding. A rede de varejo também sofreu danos à reputação e teve que enviar um memorando para todas as suas lojas, pedindo-lhes que guardassem Death Stranding a todo custo, mantendo-os em escritórios ou cofres fechados até o dia do lançamento.
Cabelo Prateado
Cabelo Prateado (coca)
A melhor maneira de viver a vida inteira é sendo uma criança, não importa qual a sua idade.

- Gintoki
Site Moderator, 23 anos
Leave your comment to let us know what you think of the publication
Don't forget that you can participate in our Discord.
Don't forget to follow us on Facebook, Twitter, Instagram and in our curator of Steam.

Relevant News

Who read this news may also like these.