O processo de viagem poderia ter sido diferente.
Publicado por ViniSD, em .
Hoje, Hideo Kojima revelou algumas obras de arte e informações interessantes sobre seu jogo Death Stranding durante uma transmissão ao vivo feita pela Sony Interactive Entertainment. Pudemos ver Sam, o guarda-chuva de Fragile, uma paisagem urbana e muito mais.

Você pode conferir as imagens abaixo.
Slide https://twinfinite.net/wp-content/uploads/2019/11/Death-Stranding-1.jpg;;;https://twinfinite.net/wp-content/uploads/2019/11/Death-Stranding-2.jpg;;;https://twinfinite.net/wp-content/uploads/2019/11/Death-Stranding-3.jpg;;;https://twinfinite.net/wp-content/uploads/2019/11/Death-Stranding-4.jpg;;;https://twinfinite.net/wp-content/uploads/2019/11/Death-Stranding-5.jpgCuriosamente, Kojima mencionou que uma das coisas que ele gosta de criar é a imagem de viajar, proporcionando uma sensação de solidão. Esse tipo de conceito foi incorporado ao background e ao processo de design do jogo. Essa foi a espinha dorsal da criação do mundo de Death Stranding.

Dito isto, Kojima revelou que o oposto do que vemos foi testado, e a travessia única do jogo poderia ter sido completamente diferente.

De fato, como vimos Sam viajando no clipe anterior, também testamos exatamente o oposto da coisa, fazendo ele usar armaduras pesadas e carregando muitos dispositivos e armas, o que tecnicamente poderia permitir que ele pulasse entre os lugares.

Não é algo novo. Por isso, decidi não fazer isso no meio do processo.

Death Stranding será lançado amanhã para o PS4, enquanto uma versão para PC será lançada no inverno de 2020.
ViniSD
ViniSD
Equipe do Site